4   +   1   =  

A dupla Heber Roberto Lopes e Kléber Lúcio Gil, que representará a arbitragem catarinense na Copa América Centenário, nos Estados Unidos entre os dias 3 a 26 de junho, encerrou nesta 3ª feira (31) o curso de preparação para a competição continental. A Copa América é o torneio de seleções mais antigo do Mundo e na edição especial da passagem do centenário será realizada pela primeira vez fora da América do Sul.
treinos
Desde o dia 24 de maio o árbitro Heber Roberto Lopes e o árbitro assistente Kléber Lúcio Gil estiveram concentrados com a elite da arbitragem americana em Chicago, no curso preparatório para competição. Durante os sete dias de atividades intensas os árbitros realizaram trabalhos técnicos e físicos pela manhã e teóricos no período da tarde. A ênfase das explanações e discussões foi para as modificações recentes do livro das Regras do Jogo.

Foto: www.conmebol.com

Foto: www.conmebol.com


Para o experiente Heber Roberto Lopes o período de aperfeiçoamento foi oportuno e participar da Copa América é especial. – Neste curso tratamos de debater as novas mudanças nas regras, aprimorar nossos conceitos e interpretações. É algo especial pois só teremos outra competição desta daqui a cem anos, comentou. Recordista em atuações no Campeonato Brasileiro da Série A, Heber também ressaltou o trabalho realizado pela FCF na arbitragem: – Trabalhar na Copa América significa dizer que todo o investimento feito pelo Presidente Dr. Delfim Peixoto Filho vale a pena, pois nas últimas competições internacionais sempre tivemos um arbitro ou arbitra de nossa federação presente.

Para o árbitro assistente Kléber Lúcio Gil a rotina de preparação e a responsabilidade exigem dedicação total e até ofuscam a realização. – A preparação é constante, procurei estudar de forma mais intensa as mudanças da regra e intensificar o inglês, mantendo a preparação física e técnica que estava fazendo para as competições deste ano, destacou. Atuar na Copa América Centenário será um marco em sua carreira: – É difícil falar, vivemos tão imersos nesta responsabilidade de sempre fazer o melhor, procurar acertar sempre, que vamos vencendo um dia após o outro e nem me dou conta do tamanho do passo que estou dando. Participar de um evento como este é um grande marco na carreira, é escrever o nome em uma história que completa 100 anos de tradição. Estou muito feliz pelo reconhecimento de tanto tempo de esforço e dedicação, de tanta gente que acreditou em mim e em Deus por me dar saúde e disposição de chegar até esta etapa da minha vida, vibrou Kléber.

Kléber Lúcio Gil, Wilton Sampaio, Heber Roberto Lopes e Bruno Boschilia.

Kléber Lúcio Gil, Wilton Sampaio, Heber Roberto Lopes e Bruno Boschilia.


Além de Kléber Lúcio Gil e Heber Roberto Lopes, a arbitragem brasileira está representada na Copa América Centenário pelo árbitro assistente Bruno Bosquilia e pelo árbitro Wilton Sampaio. O brasileiro Wilson Seneme é o Presidente do Comitê de Arbitragem da Copa América e ainda Milton Otaviano está como instrutor no torneio.