2   +   9   =  

A Federação Catarinense de Futebol recebeu na noite desta 6ª feira (30), na sede da Entidade, em Balneário Camboriú, presidentes e representantes de nove dos dez clubes participantes do Campeonato Catarinense da Série B 2017 num evento de confraternização.

O Catarinense Série B é a segunda principal competição profissional organizada pela Entidade e será disputado entre os dias 1º de julho a 15 de outubro. Dez clubes de nove cidades estão envolvidos na disputa. Campeão e vice do Catarinense Série B 2017 ascendem à elite do futebol catarinense em 2018.

– VEJA E BAIXE MAIS FOTOS

O Superintendente da FCF, Lédio L´Altoé, abriu a reunião agradecendo a presença de todos e convocando o Ouvidor do Departamento de Arbitragem, Cantucho João Setubal para proferir algumas palavras deixadas pelo Presidente Rubens Renato Angelotti, que não pode comparecer ao evento. Num dos trechos o Presidente ressaltou: “A Federação Catarinense de Futebol irá cumprir seu objetivo, organizando a competição com todo empenho e dedicação, procurando sempre qualificar as arbitragens para que os clubes desempenhem seu melhor futebol e para que ao final do Catarinense Série B de 2017 tenhamos consagrados os dois melhores clubes para disputarem a Série A em 2018”.

Em seguida o Gerente do Departamento de Competições, Fábio Nogueira, desejou boa sorte aos clubes e falou rapidamente sobre as questões envolvendo os laudos de viabilidade dos estádios. Na sequência o representante da SC Clubes, Carlos Crispim fez breve uso da palavra ressaltando o ímpeto dos clubes em “realizar futebol” mesmo diante do cenário financeiro adverso. Crispim aproveitou para parabenizar os clubes pela modelo da competição sub-23.

Completando os pronunciamentos, o Diretor do Departamento de Arbitragem da FCF, Marco Antônio Martins, falou sobre a nova estrutura da arbitragem catarinense, sobre a realização da pré-temporada, do cilco de palestras direcionadas aos clubes, sobre a utilização de árbitros renomados e também de novos valores, do bom senso na designação conforme a localização dos clubes, assim como da ouvidoria da arbitragem.

Encerrando o tema arbitragem, o ouvidor do Departamento de Arbitragem, Cantucho João Setubal, falou sobre o propósito da ouvidoria, que será o canal oficial da Federação à disposição dos clubes para reivindicações, observações, reclamações e também de elogios sobre as equipes de arbitragem.

Após a reunião a Diretoria da FCF ofereceu um churrasco para celebrar o momento de confraternização entre os dirigentes.

O Catarinense Série B 2017
A competição poderá ter duas ou quatro fases na sua forma de disputa. Nas duas primeiras fases, turno e returno, as equipes se enfrentarão no sistema de pontos corridos.

Na primeira hipótese, caso duas equipes distintas conquistem as duas primeiras fases, haverá semifinais e finais. Na segunda hipótese, caso a mesma equipe conquiste o turno e o returno será declarada campeã e as equipes que obtiverem a 2ª e 3ª colocação no índice técnico, soma do turno e returno, se enfrentarão em confronto eliminatório para decisão do vice-campeão.