3   +   8   =  

A cerveja está novamente escalada para acompanhar os jogos de futebol em Santa Catarina. Na tarde desta 3ª feira (20) os deputados da Assembleia Legislativa aprovaram o Projeto de Lei 476/2015, que permite a venda e o consumo de cerveja nos estádios e arenas desportivas no Estado. O projeto segue ainda para sanção ou veto do governador Raimundo Colombo (PSD), que terá quinze dias para fazer seu pronunciamento.

Catarinense 2018 terá comercialização de cerveja nos estádios.
Foto: Solon Soares/Agência AL.


Proibida desde 2008, a comercialização de cerveja retorna aos estádios de futebol depois reiterados esforços em audiências de dirigentes, entidades e políticos, que iniciaram por iniciativa do ex-presidente da Federação Catarinense de Futebol, Dr. Delfim Pádua Peixoto Filho.

A votação teve o placar de 20 votos contra 13, pela aprovação do Projeto de Lei proposto pelos deputados Rodrigo Minotto (PDT) e Manoel Mota (PMDB). O projeto possibilita a venda de cerveja nos estádios, sendo que 20% dos produtos comercializados deverão ser reservados para cervejarias artesanais.

O Presidente da Federação Catarinense de Futebol, Rubens Renato Angelotti, acompanhou toda a sessão e comemorou a volta da comercialização de cerveja. – Estamos muito satisfeitos com a decisão dos nossos deputados. A comercialização de bebidas nos estádios representa uma fonte importante de arrecadação para os nossos clubes. No Brasil e em muitos outros países, há ainda o fator cultural que envolve futebol e o consumo de cerveja. Teremos um grande Campeonato Catarinense em 2018 e com a volta da cerveja também mais torcedores prestigiando o nosso esporte.