5   +   10   =  

Nota de Pesar – José Carlos Bezerra 

A Federação Catarinense de Futebol manifesta profundo pesar pela perda na madrugada desta 4ª feira (19), triste coincidência no dia do seu nascimento, do ex-árbitro José Carlos Bezerra. Em homenagem à memória de Bezerra, o presidente da FCF Rubens Angelotti determinou que seja respeitado um minuto de silêncio antes da partida da Copa Santa  Catarina SICOOB 2018, entre CA Metropolitano X Hercílio Luz FC, na noite desta 4ª feira(19), em Blumenau, no Complexo Esportivo do SESI.

Foto: Arquivo Polidoro Júnior.

José Carlos Bezerra foi um dos profissionais mais importantes da história do futebol catarinense, tinha como marca ser um árbitro da escola disciplinadora, competente, uma referência da nossa arbitragem. Está na história como o segundo árbitro que mais vezes apitou Figueirense x Avaí, com 24 atuações. Sua brilhante carreira registra ainda a atuação como árbitro no único jogo do Rei Pelé em Florianópolis. José Carlos Bezerra foi o árbitro de Avaí x Santos, partida amistosa disputada no Adolfo Konder.

Bezerra nasceu em Florianópolis, no dia 19 de setembro de 1941. O corpo será velado a partir das 11h30, na Capela do Vaticano, anexo ao Cemitério do Itacorubi. A família optou por cremar o corpo em cerimônia somente para familiares, em horário a ser definido.

Homenagem
A Federação Catarinense de Futebol(FCF) homenageou o ex-árbitro no ano de 2012, nomeando taça do returno do Campeonato Catarinense da  Estadual conquistada pelo Figueirense Futebol Clube de “Taça José Carlos Bezerra”.

O ex-árbitro de futebol dos quadros da Federação Catarinense de Futebol (FCF) e da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), também foi instrutor e presidente da Comissão de Arbitragem da FCF entre os anos de 2003 a 2008.