0   +   5   =  

O feriado de Carnaval encerra de maneira muito triste para os admiradores do futebol catarinense, em especial, para os torcedores do Criciúma Esporte Clube, faleceu no início da tarde desta 3ª feira(17) o ex-goleiro Alexandre Pandóssio, aos 53 anos.

Ídolo do Criciúma na década de 1990, Alexandre foi um dos grandes destaques da equipe que fez história no futebol catarinense e brasileiro, conquistando o título da Copa do Brasil de 1991. Além do primeiro título nacional do futebol catarinense, Alexandre defendeu o Criciúma na épica campanha da Copa Libertadores de 1992 e conquistou três títulos catarinenses, 1990, 1991 e 1993.

Alexandre faleceu na tarde desta 3ª feira aos 53 anos.

Alexandre faleceu na tarde desta 3ª feira aos 53 anos.


Alexandre ainda militava no futebol profissional como comentarista da Rádio Som Maior. O ex-goleiro praticava futevôlei na manhã de hoje, no Balneário Rincão, quando sofreu uma parada cardíaca. Alexandre foi encaminhado ao Hospital São José, em Criciúma, mas não resistiu.

A Diretoria da Federação Catarinense de Futebol lamenta profundamente a perda deste grande ídolo do Criciúma e do futebol barriga verde. Alexandre deixa uma lacuna irreparável no cenário do futebol catarinense, de atleta referência, profissional, cidadão e campeão nato!
Aos familiares, amigos e torcedores do Criciúma, ficam registradas nossas sinceras condolências.

Minuto de silêncio
Em homenagem à memória do ídolo Alexandre, a Federação Catarinense de Futebol irá respeitar um minuto de silêncio nas cinco partidas do Campeonato Catarinense Série A 2015, válidas pela 5ª rodada da 1ª fase, quatro serão realizadas nesta 4ª feira (18) e o complemento na 5ª feira(19).

Criciúma campeão da Copa do Brasil 1991 / Arquivo: Criciúma EC.

Criciúma campeão da Copa do Brasil 1991 / Arquivo: Criciúma EC.