4   +   7   =  

Especial Nossa Série C: CA Carlos Renaux

Instituído em 2006, o Campeonato Catarinense SICOOB Série C 2018 tem por essência revelar os novos clubes mas também abrange as ações de reativação de clubes para o cenário do futebol profissional. A edição de 2018 é ainda mais significativa neste aspecto, fazendo ressurgir o tradicional “Vovô do Futebol Catarinense”, o Clube Atlético Carlos Renaux, de Brusque.

A goleada por 7 a 0 sobre o FC Porto na partida de estreia no último sábado (1º), no Estádio Augusto Bauer, marcou o retorno do clube mais antigo da história do futebol catarinense à modalidade profissional, o CA Carlos Renaux. Fundado em 14 de setembro de 1913, como grifa seu imponente escudo, surgiu como Sport Club Brusquense.

Foto: Diego Sestrem / Level Comunicação.


A partir de 1944, por decreto de lei federal, clubes e associações esportivas não poderiam  possuir denominações relacionadas a países, estados, municípios e regiões em decorrência da Segunda Guerra Mundial. Em 19 de março de 1944, o SC Brusquense passou a ser denominado Clube Atlético Carlos Renaux, em homenagem ao empresário do ramo têxtil, Carlos Cid Renaux

Constituído na cidade Brusque, berço do desporto catarinense, o  CA Carlos Renaux foi impulsionado pelo sucesso da indústria têxtil e atingiu o ápice em duas oportunidades, ostentando a condição de bicampeão catarinense de futebol em 1950 e 1953.

Segundo o Presidente Renato Petruscky, o CA Carlos Renaux retorna ao futebol profissional, com direcionamento para o trabalho das categorias de base na formação de atletas, que são a base do grupo para disputa do Catarinense SICOOB Série C. — Estamos muito felizes em trazer o Carlos Renaux de volta ao futebol e também ao torcedor brusquense. Vamos fazer um trabalho privilegiando as categorias de base, mas par atingirmos objetivos também temos atletas mais experientes no grupo. Queremos fazer uma boa campanha.