Federação Catarinense de Futebol completa 89 Anos!

A data de hoje é especial para o futebol barriga-verde e para toda comunidade esportiva do Estado de Santa Catarina. Nesta sexta-feira, 12 de abril, a Federação Catarinense de Futebol completa 89 anos de fundação.

No longínquo 12 de abril de 1924, nas dependências do antigo Gymnasio Catharinense, em Florianópolis, cinco agremiações, Atlético Florianópolis, Figueirense, Internato, Trabalhista e Avahy, se reuniram para fundação da antiga Liga Santa Catharina de Desportes Terrestres, Entidade que a partir de 1951 passou a denominar-se Federação Catarinense de Futebol.

Sede própria funciona desde 2007 na 6ª Avenida, em Balneário Camboriú.

Sede própria funciona desde 2007 na 6ª Avenida, em Balneário Camboriú.

Dr. Delfim Pádua Peixoto Filho comanda as ações administrativas da FCF faz 28 anos.

Desde 1985 sob administração do Dr. Delfim Pádua Peixoto Filho, a Federação Catarinense de Futebol atravessa um momento distinto da sua história ao longo destes 89 anos de existência. Além de usufruir desde o fim de 2007 das instalações da sua sede própria, em Balneário Camboriú, o desempenho dos clubes filiados nas competições nacionais é excelente e inédito. São sete clubes disputando três das quatro principais divisões do Campeonato Brasileiro.

Na Série B de 2013 teremos supremacia total, dos 20 clubes, quatro são catarinenses: Avaí, Joinville, Chapecoense e Figueirense. Trocamos de representante na elite, infelizmente não mantivemos dois clubes entre os 20 melhores do País. Neste ano cabe ao Criciúma a missão de representar o Estado diante das grandes potências do futebol nacional na Série A, papel que já o fez no decorrer da década passada, assim como Figueirense e Avaí também já fizeram. Sem representantes na Série C do Campeonato Brasileiro, o futebol catarinense conta com o Marcílio Dias e mais um clube classificado no Campeonato Catarinense Chevrolet 2013 para disputar a Série D.

A evolução do futebol barriga-verde está denotada claramente com o avanço da Federação Catarinense de Futebol no Ranking Nacional de Federações (RNF) da Confederação Brasileira de Futebol, da 9ª colocação em 2012 avançamos para a 6ª colocação em 2013, com 26.278 pontos. Tal avanço e a alteração no ranking de clubes da CBF, faz com que quatro clubes catarinenses estejam ranqueados para disputar a Copa do Brasil 2013. A cada ano, seguimos progredindo dentro e fora das quatro linhas.

Atualmente a Federação Catarinense de Futebol organiza treze (13) competições, quatro (4) profissionais e nove (9) não-profissionais. São vinte e cinco (25) clubes filiados, das sessenta e cinco (65) Ligas não-profissionais existentes no Estado, quarenta (40) delas desenvolvendo competições federadas.

O crescimento em infraestrutura e o momento atual do futebol catarinense no cenário nacional comprovam a saúde da Entidade na plenitude dos seus 89 anos e seu êxito administrativo. Capitaneada pelo Presidente Delfim Pádua Peixoto Filho, a Federação Catarinense de Futebol conta hoje com uma equipe de 27 pessoas, entre funcionários, diretores e colaboradores, que atuam distribuídos em oito departamentos dedicando seu empenho e profissionalismo ao futebol de Santa Catarina.

Parabéns a todos os admiradores do futebol catarinense, aos torcedores, aos Clubes e Ligas que constituem a Federação Catarinense de Futebol e fazem esta data ser lembrada com alegria!