Nota oficial

As recentes manifestações sobre lances de arbitragens e declarações do presidente do Criciúma E.C. Jaime Dal Farra, nas duas primeiras rodadas do Campeonato Catarinense de Futebol Profissional Série A 2020, provocaram uma reunião de Diretoria da Federação Catarinense de Futebol, na tarde de hoje.

O presidente Rubens Renato Angelotti, juntamente com o departamento de arbitragem e demais diretores da entidade, analisou os lances e avaliou as repercussões dos mesmos decidindo:

a)   Convocar à sede da entidade os árbitros envolvidos nos jogos Criciúma x Concórdia, Brusque x Joinville e Juventus x Criciúma, para uma avaliação técnica juntamente com os integrantes do departamento de arbitragem;

b)   Lamentar as descabidas acusações contra a FCF proferidas através da imprensa pelo presidente do seu filiado Criciúma E.C. Jaime Dal Farra, denegrindo a imagem da entidade após o jogo Juventus 3 x 2 Criciúma;

c)   Dar conhecimento à procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol Catarinense do material recolhido junto aos meios de comunicação comprovando as já referidas acusações;

d)   Igualmente, encaminhar o mesmo material para o Departamento Jurídico da FCF para as devidas providências legais cabíveis;

e)   Na mesma ocasião, o presidente Rubens Angelotti mostrou preocupação e cobrou do departamento de arbitragem providências no sentido de que erros pontuais como o ocorrido no jogo Brusque x Joinville, não voltem a acontecer, evitando-se prejuízos a equipes e a própria arbitragem do futebol catarinense;

f)    Por fim, o presidente da FCF lembrou a necessidade da preservação das instituições, independente das pessoas que as conduzem.

Balneário Camboriú, 27 de janeiro de 2020.

Reunião aconteceu na tarde desta segunda-feira (Foto: FCF)